Home Agenda bh dicas Dan Stulbach e Selton Mello no BH DICAS
0

Dan Stulbach e Selton Mello no BH DICAS

Dan Stulbach e Selton Mello no BH DICAS
0
0

Nessas horas as fotos nunca ficam boas. É só comigo que acontece isso? No calor do momento ali, na pressa e na correria, a luz não fica boa, a pose ou o celular dá um pau. Mas não tem problema, né? O que importa mesmo é a vivência. E é isso que vim dividir aqui hoje. Semana passada eu tive o prazer de comparecer a dois eventos tão especiais que eu não poderia deixar de compartilhar. As dicas valem para a eternidade, então prestenção, ok?! 

Fui na pré estreia do novo filme de Selton Mello como diretor: “O Filme da Minha Vida“. Mas, não era uma pré estreia comum, era uma pré estreia com a presença do próprio Selton Mello. E eu estava como? Tremendo, claro. Sou muito fã do trabalho diferenciado que Selton Mello executa seja como ator, diretor ou produtor. Têm um olhar crítico, único e sensível. Certeza que esse trabalho irá repetir o sucesso de “Feliz Natal” e “O Palhaço“.

O Filme da minha vida estreia dia 03 de agosto em todo Brasil (taí já né?), e a história é baseada no livro “Um pai de cinema” do Chileno Antônio Skármeta. Protagonizado por Johny Massaro que representa um jovem em conflito devido à ausência do pai. Já coloca na agenda aí para assistir e volta para me contar o que achou! Esperamos a resenha de Luiz, Câmera, Ação, também!

Toda semana, eu separo no BH DICAS alguns programas que eu confio e acho interessantes em Belo Horizonte. Eu não pretendo falar de todos. Na mesma linha que sigo com todos os posts do blog, onde divido as minhas experiências, seleciono alguns programinhas imperdíveis em BH no fim de semana. Pois bem, “A Morte acidental de um anarquista” foi dica. Fui pesquisar sobre o teatro e achei, história e o elenco incríveis. E ainda foi no Cine Brasil – lugar #temqueir em Beagá, né?!

Baseado em fato reais, a comédia mais famosa de Dario Fo conta a história de um louco cuja doença é interpretar pessoas reais, que se passa por um falso juiz na investigação do misterioso caso do anarquista. Além da simplicidade de Dan Stulbach, a peça é diferente do que estamos acostumados. O elenco recepcionou o publico com música logo na entrada do teatro. Antes da peça começar mesmo, acontece uma conversa entre atores e plateia muito interessante e a pasmem: Dan Stulbach consegue gravar o nome e as sugestões dadas de cada um que conversou com ele no bate-papo. Eu fiquei boba! Que memória gente!!! Durante o espetáculo ele faz uso das falas e sugestões. Saí de lá com dores no rosto de tanto rir e com a certeza de que cultura e arte fazem da gente, pessoas melhores!

 

A temporada em Belo Horizonte acabou, por enquanto, mas se você estiver em alguma cidade que a peça vai passar, não deixe de conferir! Se voltar para nossa cidade amada, não preocupa! Eu aviso aqui. 

Se inscreva para receber semanalmente todo o resumo do que acontece aqui, no seu e-mail. Mando sexta-feira de manhã que é bom para você programar o fim de semana e ficar por dentro do que rola por aqui! #cliqueaqui .

Beijos!

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *