Home BH Dicas Indica Wäls | Inhotim
2

Wäls | Inhotim

0
2

Estive presente em um evento tão especial e inesquecível, que estou procurando palavras para descrever todo o sentimento e emoção. Não sei se vai dar pra explicar, mas vou tentar. De qualquer maneira, pra todo mundo entender um pouco o que foi a noite, vai aí um vídeo:

Já fui em Inhotimmaior centro de arte contemporânea a céu aberto da América Latina, algumas vezes, sempre de dia, claro, e a cada visita a experiência é diferente, única e muito rica. Estou sempre divulgando e incentivando as pessoas a visitarem. Seja quem é de Minas, ou que está vindo passear. Inhotim é #temqueir no topo da lista.

A Cervejaria Wäls enche qualquer mineiro de orgulho. Os irmãos José Felipe e Tiago Carneiro estão a 16 anos no mercado, produzindo cerveja especial. A produção começou com a Pilsen e depois de 8 anos ganhou 14 estilos diferentes, além da linha sazonal. A cervejaria é premiada e chega não só em diversas partes do Brasil, como é exportada pra fora. Em resumo: os sócios sabem o que fazem, entendem muito, a cerveja é mineira, de muita qualidade e só traz alegria.

Segura essa: o Inhotim celebra 10 anos de existência e a cervejaria mineira Wäls cria três receitas especiais, inspiradas na essência do Inhotim, para comemorar a data. O objetivo foi traduzir em cerveja tudo aquilo que o Inhotim representa para a arte mundial. Os temas são: Arte | Jardim Botânico | Região – Brumadinho, Minas Gerais.

Pela primeira vez o museu abriu para visitação noturna. Em parceira com a Wäls, fomos conhecer cada inspiração de perto e entender como as cervejas foram criadas. Uma experiência para poucos e bons, única e que vai ficar marcada na história de cada um que teve essa oportunidade.

Estava parecendo um sonho. Em cada obra de arte foi possivel entender como

A Wäls Impetus faz referência à obra Beam Drop, de Chris Burden. A apresentação foi feita na obra de 1885 que foi criada em Inhotim em 2008. Vários trabalhadores do museu estiveram com o artista para a instalação da obra, que é uma das mais fotografadas. A ideia por traz dessa cerveja é que ao degusta-la, o momento seja apreciado. Traduz a vontade e a habilidade humana de se expressar, seja através de uma obra de arte ou da receita dessa cerveja. É âmbar, forte e lupulada, Red IPA defumada é potente como a arte contemporânea. E a cor? A cerveja não é filtrada e quando a gente balança o copo, a cor se assemelha a obra. Dá pra morrer de amores por isso, gente?

A Wäls Walkeriana é uma Farmhouse Ale com toque de baunilha e sabor frutado e perfumado. É uma cerveja expressiva com um arremate delicado e que faz homenagem às 17 mil orquídeas Walkerianas que habitam o Jardim Botânico do Inhotim, consideradas as mais perfeitas de sua espécie, com a maior simetria e beleza. A cerveja é muito gostosa, foi minha preferida.

Junto a igrejinha que foi mantida e restaurada pelo Inhotim, o ator e um dos diretores do museu, Paulo Grassi apresentou a Wäls Reticulata: uma Witbier, leve e refrescante e que representa a geografia da região e o cultivo da tangerina típica de Brumadinho, onde está localizado o Inhotim. Ele falou sobre as comunidades antigas da região.

Um dos projetos do  Inhotim é abrir para visitação noturna. Eu aviso por aqui, está previsto para setembro de 2016 e quando esse dia chegar, já adianto por experiência própria: #temqueir .

A Cerveja: garrafas de 375 ml. Onde encontra: principais pontos de vendas do país e também pelo site Empório da Cerveja – #cliqueaqui  Quanto custa: R$ 22,00 – valor sugerido.

Comente(2)

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *